GT - PAMRDC

1.Definição
O GT-PAMRDC é um grupo multissectorial e multidisciplinar de trabalho que sob a liderança do Secretariado Técnico de Segurança Alimentar e Nutricional (SETSAN), visa facilitar a planificação e implementação de acções do PAMRDC nas Instituições do Governo, da Sociedade Civil e do Sector Privado ao nível nacional, provincial, distrital e comunitário.

2.Visão Missão
2.1 Visão
Uma sociedade moçambicana livre da desnutrição crónica
 
2.2 Missão
Facilitar a implementação holística de intervenções que contribuam para a redução acelerada da desnutrição crónica em Moçambique.

3.Objectivos do GT-PAMRDC
3.1 Geral
Facilitar a planificação e implementação do PAMRDC, a nível técnico, em Moçambique.

3.2 Específicos
Assegurar a planificação e operacionalização do PAMRDC a nível de todos intervenientes;
Monitorar e Avaliar a implementação do PAMRDC pelos diferentes intervenientes aos níveis central, provincial e distrital;
Avaliar o impacto do PAMRDC;
Comunicar aos tomadores de decisão e a sociedade em geral sobre o estágio de implementação do PAMRDC;
Apoiar na mobilização de fundos para operacionalização do PAMRDC;
Promover e apoiar os sectores e instituições na adopção e/ou fortalecimento de acções que contribuem para a redução da desnutrição crónica; e,
Advogar para que existam condições favoráveis para a implementação do PAMRDC pelos vários sectores.

4.Composição do GT-PAMRDC
O GT -PAMRDC é composto por técnicos das instituições do Estado nomeadamente Ministério da Agricultura, Ministério da Saúde, Ministério das Pescas, Ministério da Indústria e Comércio, Ministério da Educação, Ministério das Obras Públicas e Habitação, Ministério de Planificação e Desenvolvimento, Ministério das Finanças, Ministério da Mulher e Acção Social, bem como pelas Organizações da Sociedade Civil nacionais e internacionais, Sector Privado, Doadores, e Nações Unidas.

Estado de SAN no país

NUTRIÇÃO DAS MULHERES DOS 15 - 49 ANOS
>> Prevalência de Baixo Peso nas Mulheres 7,10 %

>> Prevalência de Sobre Peso nas mulheres 23,20 %

AMAMENTAÇÃO
>> Início de amamentação dentro de 1 hora 69,00 %

>> Amamentação Exclusiva (0-6 meses) 41,00 %

>> Amamentação Contínua aos 12-15 meses 86,00 %

ALIMENTAÇÃO INFANTIL
>> Introdução de alimentos sólidos e semi-sólidos (6 a 8 meses) 95,00 %

>> Consumo de pelo menos 4 grupos de alimentos (6 - 23 meses) 30,00 %

>> Consumo de número mínimo de refeições (6 - 23 meses) 38,00 %

>> Consumo de dieta mínima aceitável (6 - 23 meses) 11,00 %

>> Consumo de alimentos ricos em Vitamina A (6 - 23 meses) 52,10 %

>> Consumo de Vitamina A de origem vegetal (6 - 23 meses) 48,80 %

>> Consumo de Vitamina A de origem animal (6 - 23 meses) 20,00 %

>> Consumo de alimentos ricos em ferro (6 - 23 meses) 35,00 %

NUTRIÇÃO DE CRIANÇAS DOS 6 - 59 MESES
>> Prevalência de Baixo Peso para Altura 7, 20 %

>> Prevalência de Baixo Peso para Altura Severa 2,50 %

>> Prevalência de Baixo Peso para Idade 21,00 %

>> Prevalência de Baixo Peso para Idade Severa 9,30 %

>> Prevalência de Baixa Altura para Idade 43,30 %

>> Prevalência de Baixa Altura para Idade Severa 24,00 %

FONTE: Estudo de Base de Segurança Alimentar e Nutricional(SAN) 2013

     

Free business joomla templates